top of page
  • Foto do escritorValdir Steuernagel

Hoje eu me deparei com uma santa

Venezuela, 28 de agosto de 2023


Hoje eu me deparei com uma santa. Uma santa mulher! Vou lhes dizer por que eu digo que ela é santa.


Estou passando uns dias na Venezuela com a Visão Mundial e hoje fomos conhecer um “comedor” (refeitório) mantido pela Igreja Adventista. Lá eu encontrei um grupo de mulheres que preparam e servem almoço para as crianças. Umas pequenas, outras maiores, mas todas crianças. Muitas crianças, e todas com fome!


Não é a primeira vez que eu me vejo em lugares assim. Hoje, porém, fui confrontado com uma fé e uma dedicação que ministraram ao meu coração. Pois essas mulheres, entre as quais a Ana Celina, têm feito exatamente a mesma coisa por anos e anos: servir às crianças. Sem receber salário, elas o fazem como ministério, em nome de Jesus.


E a Ana Celina foi me contando, com um belo sorriso no rosto, que nunca falta comida, que Deus sempre provê; e me levou para ver a enorme panela e a comida que havia sobrado depois que as crianças estavam satisfeitas. Com as sobras, elas estavam preparando potinhos de comida com que outras crianças e adultos seriam alimentados. Essas mulheres me mostraram que vivem aquilo que o seu Mestre fez: multiplicou cinco pães e dois peixes.


Bem-aventuradas são essas mulheres que servem como Jesus lhes ensinou. E isso eu sempre preciso aprender.

Comments


bottom of page